Eis o primeiro veículo neutro em emissões do mundo

Os veículos elétricos também libertam partículas para a atmosfera devido à abrasão da estrada, aos travões e aos pneus, não estando, portanto, livres de emissões.

Esta é uma tarefa que o especialista em filtragem MANN+HUMMEL abordou agora com o seu filtro de partículas de pó finas. Graças ao uso do filtro, o balanço geral do veiculo em relação à libertação de partículas é agora neutro.

O filtro de partículas retém tanto as partículas de pó quanto as da abrasão da estrada, dos travões e dos pneus que são produzidas. Os módulos do filtro serão instalados inicialmente em cinco veículos de teste StreetScooter, que entrarão ao serviço com efeito imediato em cinco centros urbanos alemães.

A conclusão satisfatória do ensaio poderá implicar a implementação do filtro de partículas de série. Isto significará que o StreetScooter será o primeiro veículo de série que está quase livre de emissões. O veiculo é completamente neutro em termos de emissões considerando o balanço geral durante as operações de condução.

Isto significa que não existem emissões de dióxido de carbono (CO2), óxido de azoto (NOx), ruído e partículas.

O filtro de partículas de pó finas está equipado com um sistema de filtragem ativa. São instalados sopradores por detrás destes filtros que dirigem o ar ambiente para os mesmos. Em consequência, até quando o veículo está parado é ainda capaz de filtrar partículas do ar ambiente.

A posição de instalação do filtro na parte inferior da carroçaria à altura do eixo traseiro é prática por duas razões. Por um lado, não utiliza um espaço de carga valioso e, por outro, essa é precisamente a localização em que se encontra a maior concentração de partículas perto do veículo. Todos os filtros de partículas estão equipados com sensores que permitem a supervisão em linha da eficiência dos sistemas.

Aqui, a MANN+HUMMEL regista informações sobre o rendimento de filtragem, a quantidade de ar limpo, a concentração de partículas e os dados meteorológicos. Os dados são enviados, depois, para a "nuvem", são visualizados através de uma interface web e a seguir são avaliados por especialistas em filtragem.