Fuso Canter E-Cell

Numa altura em que se comemoram os 50 anos da fábrica do Tramagal, a Mitsubishi Fuso Truck Europe entregou oito protótipos do Canter E-Cell a empresas e autarquias. Para que estas testem, em condições reais, durante um ano, este camião 100% elétrico de categoria N2.

No passado dia 10 de Julho, a Mitsubishi Fuso Truck Europe (MFTE) apresentou, no Pátio da Galé, Terreiro do Paço, em Lisboa, o Projeto Canter E-Cell. Com um investimento total de €5.000.000 co-financiados pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Fatores de Competitividade, este projeto, tecnologicamente inovador, que conta ainda com o apoio do IAPMEI e uma parceria com o CEIIA (Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel), é mais um importante passo na mobilidade urbana ecologicamente sustentada desenvolvido pela indústria portuguesa.

fusocanter2

A abertura da cerimónia esteve a cargo de Jorge Rosa. O Presidente & CEO da MFTE salientou “o desafio, a todos os títulos, estimulante que a nossa organização, sedenta de conhecimento, rapidamente acedeu. O veículo que, aqui, apresentamos, é inovador, quer pela atualidade da tecnologia que incorpora quer pelo facto de ser um comercial pesado, com características que permitirão a sua utilização em ambiente normal de operação.”

Exemplo a seguir
A intervenção do Ministro da Economia, António Pires de Lima destacou “o projeto muito credível baseado em dois pressupostos essenciais. Primeiro: a qualidade da engenharia portuguesa e a capacidade para trabalhar em parceria. Quer com um centro de competência nacional que temos vindo a apoiar, o CEIIA, quer com um parceiro tecnológico japonês. Segundo: a capacidade de apresentar, também, um projeto sólido ao Estado português, através da AICEP e do IAPMEI.” Os oito veículos que foram entregues serão testados durante um ano e “podem vir a representar uma oportunidade para serem desenvolvidas mais unidades deste produto em Portugal, animando a indústria automóvel e o cluster da mobilidade elétrica”, referiu o mesmo responsável.

fusocanter

As unidades entregues estão distribuídas da seguinte forma: Câmara Municipal de Lisboa (jardinagem e eliminação de resíduos); Câmara Municipal do Porto (meio de transporte entre os vários edifícios municipais); Câmara Municipal de Abrantes (jardinagem); Transporta (entregas porta-a-porta); REN (transportes na área portuária de Sines); CTT (transporte entre os vários centros de distribuição em Lisboa); Mitsubishi Motors Portugal (duas unidades para testes e demonstrações).

O Ministro da Economia terminou a sua intervenção com alguns dados estatísticos: “No ano passado, as exportações portuguesas do setor automóvel e do sub-setor dos componentes, ascenderam a 8,2 mil milhões de euros. Cerca de dois terços deste movimento exportador correspondeu não à exportação de veículos, mas à exportação de componentes automóvel. Já no primeiro trimestre de 2014, tendência que se manteve, aliás, no segundo trimestre, o sub-setor dos componentes voltou a crescer entre 2,5 e 5% face a 2013. Ou seja, as exportações de veículos e componentes estão a crescer. Temos tido uma balança setorial positiva desde 2011. No ano passado, atingiu 1,7 mil milhões de euros.” 

fusocanter3

A cerimónia encerrou com o discurso do Ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia. Jorge Moreira da Silva sublinhou a dimensão deste projeto, referiu o conjunto de apostas estratégias que Portugal terá de tomar rumo ao crescimento sustentável e abordou as políticas comuns que serão necessárias adotar pelo Conselho Europeu, numa altura em que se aproxima o prazo para tomar medidas que integrarão o protocolo que se seguirá ao de Quioto.

 

Fuso Canter E-Cell: Dados & Factos
• Produzido na fábrica do Tramagal
• Custo aproximado de cada protótipo: €300.000
• 110 kW (150 cv) e 650 Nm
• Posições do seletor: D, N, R e P
• Função “Crawl” (posições D e R)
• Transmissão de força para o eixo traseiro
• 4 baterias de iões de Lítio de 48,4 kWh (pesam cerca de 500 kg)
• Tempos de recarga: 7 horas (normal); 1 hora (rápida)
• Emissões zero
• Avisador acústico para peões
• Autonomia máxima: 102 km
• Velocidade máxima: 90 km/h (limitada)
• Distância entre eixos: 3,4 metros
• Cabine Simples Comfort
• Caixa de carga aberta (4,3 m) ou fechada (4,4 m)
• Carga útil do chassis: 3,0t
• Peso-bruto admissível: 6,0t
• Pneus de baixa resistência ao rolamento

Mais nesta categoria: « Iveco Daily Mercedes-Benz Vito »