Peugeot Partner e Citroën Berlingo

A meio do ciclo de vida, o Grupo PSA decidiu renovar os seus furgões mais populares. Peugeot Partner e Citroën Berlingo beneficiaram de melhorias conjuntas que pode ficar a conhecer melhor a partir do modelo de Sochaux. Depois, é só transpor as novidades para o modelo da marca do double chevron.

Comerciais PSA com nova face
A Peugeot revelou os novos Partner e Partner Tepee, modelos que foram apresentados por ocasião do Salão de Argel e que surgem dotados de novos argumentos estéticos, técnicos e funcionais. 

Importante para o mercado português, uma vez que é produzido na fábrica lusa de Mangualde, o Partner é alvo de “minor changes” (mudanças subtis) e a versão orientada para a área profissional contará ainda com motores Euro 5 1.6 HDi de 75 cv e 1.6 HDi de 90 cv, que se manterão na gama até Junho de 2016. Todavia, as motorizações Euro 6 não vão faltar. No total, são três os Diesel BlueHDi, com potências entre 75 cv e 120 cv, que estão disponíveis desde o lançamento. A versão 1.6 BlueHDi 100 S&S é uma forte aposta da marca graças aos baixos níveis de emissões, na ordem dos 106 g/km de CO2.

Segurança elevada
Em termos estéticos, o Partner dá seguimento à renovação encetada no ano passado, com o Boxer, no que diz respeito à gama de veículos comerciais ligeiros (VCL) do construtor francês. Assim, a frente adota a linguagem estilística consentânea com os restantes modelos da marca, contando com grupos óticos de contornos redesenhados, nova grelha com símbolo integrado e novo pára choques, que acolhe os faróis de nevoeiro e as luzes diurnas de LED (consoante o nível de equipamento).

Para garantir segurança e facilitar a condução, o novo Partner propõe uma lista muito vasta de equipamentos de série, como ABS, ajuda à travagem de emergência, controlo de estabilidade com controlo de tração e Hill Assist, sensor de pressão dos pneus, dispondo ainda do Active City Brake (travagem automática em cidade), disponível, em opção, desde o nível 1 a partir do próximo mês de Novembro. O cruise control é, a partir de agora, de série desde o nível 2. O Grip Control, que funciona como uma espécie de ajuda em terrenos mais arenosos e de menor aderência, também vai estar disponível como opção.

Uso Profissional Peugeot Partner 4

Múltiplas soluções
O furgão francês propõe uma ampla gama de carroçarias, com dois comprimentos, L1 de 4,38 m e L2 de 4,63 m, uma versão cabina alongada com banco escamoteável na segunda fila e um chassis cabina para as transformações de carroçaria. Dispõe ainda de mais de 60 litros de espaços para arrumação no habitáculo, tanto para uso dos passageiros, como do condutor. O espaço fechado situado diante do volante ou a pequena mesa tipo escritório situada por detrás das costas rebatíveis do assento central facilitam particularmente a vida aos profissionais. De resto, conta com novo equipamento telemático assente no ecrã tátil de 7” e com amplas possibilidades de conectividade.

Para as empresas, a marca propõe ainda uma solução para gestão de frotas, o Peugeot Connect Fleet Management, que se divide em três packs de serviços distintos ao nível da gestão de custos e da frota de automóveis.
A gama completa-se com a versão Partner Electric, com um motor de 67 cv e uma autonomia de 170 km. Tanto o motor como a bateria dispõem, a partir de agora, de oito anos de garantia ou 100.000 km. A chegada a Portugal está agendada para o próximo mês de Maio.

 

Berlingo segue o irmão Partner

Citroën e Peugeot partilham ADN
A renovação da gama Partner aplica-se, também, ao Citroën Berlingo, que garante, assim, a grande maioria das novidades introduzidas no modelo da Peugeot, salvaguardando as devidas (ligeiras) alterações inerentes às respetivas marcas. Em tudo o resto, a inclusão de novidades e até a chegada ao mercado nacional vai ser feita da mesma forma. A apresentação do Citroën Berlingo teve lugar em pleno Salão de Genebra, naquela que foi a 85.ª edição deste certame, que decorreu entre os passados dias 5 e 15 de Março.

Uso Profissional CAIXA 1