Fábricas Liqui Moly foram cenário para novo calendário

Seguindo o lema "Porquê procurar tão longe quando o que é bom está aqui tão perto", as fábricas de Ulm e Saarlouis serviram de cenário para o novo calendário erótico da Liqui Moly. 14 modelos emprestaram o seu encanto especial à produção de óleo e aditivos. "As fotografias mostram que o óleo de motor também pode espalhar muita sensualidade", afirma Peter Baumann, diretor de marketing da marca alemã.

 Nos locais onde no trabalho quotidiano são indispensáveis óculos de proteção, luvas e calçado de segurança e proteção auditiva, fez-se com todo o prazer uma exceção para as modelos fotográficas.

Excecionalmente, puderam aceder a locais que, de outra forma, não são acessíveis: os laboratórios e os tanques de armazenamento. Em alturas vertiginosas, as modelos foram fotografadas em roupas "leves e arejadas". Também tiveram a oportunidade de ver o planeamento da produção e conferiram visões profundas às próprias fotografias. Nos motivos de alto brilho, as colegas conferiram, temporariamente, um pequeno glamour até aos trabalhos de arrumação e limpeza.

"Entre todos os calendários eróticos da Liqui Moly que foram fotografados até à data, este é o que mais se identifica com a marca, pois foi produzido no coração da nossa empresa", declarou Peter Baumann. O calendário não se torna especial apenas pelos seus motivos fotográficos. Como já começa em dezembro de 2016, é um calendário especialmente "longo", com 13 meses em vez de 12.

O calendário erótico é enviado sobretudo aos clientes da Liqui Moly. Quem não receber o seu exemplar, poderá solicitá-lo em www.liqui-moly-teamshop.de (envio apenas para a União Europeia).

Arrow
Arrow
Full screenExit full screen
ArrowArrow
Slider

Save

Vídeo