Continental oferece formação para tacógrafos inteligentes

A partir de meados de junho de 2019, os fabricantes de veículos devem instalar um tacógrafo DTCO 4.0 em todos os camiões recém-registados e veículos com peso máximo autorizado de mais de 3,5 toneladas.

Tendo em conta a chegada iminente desta nova tecnologia, a Continental oferece para as oficinas de veículos industriais serviços e equipamentos para a verificação de tacógrafos inteligentes DTCO 4.0.

A nova legislação traz mudanças importantes em termos de calibração do dispositivo, adicionando três novas etapas àquelas já implementadas:vVerificar a interface DSRC e recetor de satélite (GNSS) e a vedação do sensor de velocidade.

Tudo isso exigirá um novo equipamento de oficina e uma maior qualificação. Por isso, a Continental, que já implementou os seus conhecimentos e equipamentos na sua rede de oficinas e parceiros DTCO +, fornece esses equipamentos e as qualificações necessárias para todas as oficinas interessadas.

A unidade básica para esses testes de tacógrafo é o dispositivo VDO Workshop Tab. Para verificar o módulo DSRC, a Continental criou um equipamento de teste adequado para esse fim, o DRSC Meter, que simula a situação de controlo das autoridades remotamente.

E para o teste do recetor de satélite (GNSS) integrado no DTCO 4.0, a Continental recomenda o uso de seu repetidor GNSS para amplificar o sinal e verificar se o recetor funciona corretamente.

Assim, as oficinas são capazes de realizar revisões periódicas com precisão, cumprindo os requisitos legais.

Pode encontrar mais informações sobre os distribuidores participantes aqui, ou consultar o lançamento do novo tacógrafo na edição de janeiro do Jornal das Oficinas.

Também pode querer ler