Logo
Imprimir esta página

Continental aconselha frotas antes da chegada do 4.0

A partir de 15 de junho, será obrigatório que todos os veículos recém registados incorporem um tacógrafo inteligente e os gestores de frota devem estar preparados para este novo sistema.

A Continental, como empresa de tecnologia, oferece algumas dicas para passar, sem problemas, para o novo DTCO 4.0. Ao fornecer a infraestrutura necessária para novos tacógrafos, a marca permite que frotas de qualquer tamanho cumpram os requisitos legais e continuem a operar.

As frotas de veículos também precisarão de atualizar as suas ferramentas de download de software de gestão de frotas para trabalhar com a nova tecnologia de criptografia de tacógrafo, garantindo a conformidade contínua com as estipulações legais no arquivo e a custódia dos dados do motorista e do veículo.

As atualizações serão necessárias assim que um único veículo tiver o DTCO 4.0. Nesse sentido, a Continental oferece apoio aos gestores de frota com equipamentos, serviços e know-how necessários.

A Continental oferece uma série de meios para baixar e arquivar os dados da memória do tacógrafo e do cartão do motorista. Em termos de soluções de download remoto automático, na família DLD, há duas opções.

Se tiver um dispositivo DLD I, este não estará operacional. Portanto, a Continental oferece dispositivos de última geração, como o DLD WR II, para trabalhar com o DTCO 4.0.

Por outro lado, aqueles que já dispõem deste sistema, não terão de fazer nada adicional, já que serão atualizados, automaticamente, com a tecnologia wireless.

Para aqueles que usam ferramentas manuais, como as que pertencem à família DLK, a Continental criou um sistema muito simples de atualização por meio de um cartão.

Este cartão está disponível através da rede de oficinas VDO e DTCO +, bem como na loja online. Da mesma forma, os utilizadores do terminal de download do DLT Pro poderão atualizá-lo por meio da opção de atualização de software.

No caso de versões mais antigas da chave de download do DLK Pro e do terminal de download do DLT Pro, não será possível baixar ou arquivar os dados do DTCO 4.0. Nestes casos, as frotas terão de mudar para modelos mais novos se quiserem cumprir com o regulamento.

Para estes casos, duas novas chaves foram desenvolvidas e estão, agora, disponíveis: DLK Pro Downloadkey S e DLK PRO TIS-Compact S, que também serão compatíveis com os modelos mais antigos de tacógrafo.

Há também mudanças em relação aos sistemas de gestão de frota. Os operadores de frota que usam o TIS-Web Motion ou o VDO FleetVisor para monitorizar e controlar os seus veículos podem continuar a usá-los com o DTCO 4.0.

Mas para cumprir os requisitos legais de arquivamento de dados, a Continental oferecerá a sua plataforma TIS-Web DMM 5.0.

Também pode querer ler

Todos os direitos reservados por © AP Comunicação. | Developed By: Webzeki.com