"Temos muita ambição de crescer"

Recentemente nomeado country manager ibérico da SAM, Manuel Morales, em entrevista ao Jornal das Oficinas, revela a estratégia que vai implementar para relançar a marca no nosso mercado. 

Depois de 17 anos na Valeo e de dois na Cecauto, Manuel Morales é o country manager ibérico das ferramentas SAM. Esta incorporação é o reconhecimento da marca no enorme potencial de vendas que os mercados português e espanhol têm. O principal objetivo é servir as oficinas portuguesas com as melhores ferramentas e dar-lhes todo o apoio que necessitem.

Há quanto tempo a SAM está presente em Portugal?
A SAM comercializa os seus produtos para o mercado ibérico, incluindo Portugal, há quase 25 anos. Dispõe de cerca de 20 distribuidores independentes em Espanha e está num processo de negociação de um acordo de distribuição nacional para acelerar a presença em Portugal.

Qual a gama de produtos que a SAM disponibiliza para as oficinas de automóveis?
Temos, atualmente, disponíveis no mercado várias linhas de produtos para diferentes tipos de clientes, sendo que, no setor do aftermarket, dispomos de um catálogo com todo o tipo de ferramentas manuais, bem como carros de ferramentas. Destacamos, na nossa gama de ferramentas, o catálogo Indispensam, que contém todos os produtos indispensáveis ao bom funcionamento de uma oficina, a preços muito atrativos. Quando falamos de ferramentas, não podemos deixar de referir o novo carro de Roller Cabinet, composto por diversas gavetas e compartimentos de arrumação, que permitem realizar um trabalho seguro e organizado, otimizando a performance do cliente nas suas tarefas diárias.

Na edição de novembro do Jornal das Oficinas pode ficar a conhecer melhor a SAM.

Também pode querer ler

  • “Vamos continuar a trabalhar com esforço e dedicação”
    Leia mais ...
  • “Há um excesso de agressividade que não nos leva a lado nenhum
    Leia mais ...
  • “A MCS tem crescido com a dedicação de todos os trabalhadores”
    Leia mais ...
  • “A nossa visão permite-nos atuar no mercado como um só”
    Leia mais ...
  • “Numa só paragem, conseguimos intervencionar pesado e semirreboque“
    Leia mais ...