Mercado automóvel volta a decrescer

Tal como sucedeu no mês anterior, o mercado voltou a registar nova queda homóloga em março.

No terceiro mês de 2019, foram matriculados pelos representantes legais das marcas a operar em Portugal 28.551 veículos, ou seja, menos 9,9% do que em igual mês do ano anterior.

No primeiro trimestre deste ano, foram colocados em circulação 69.623 novos veículos, o que representou uma queda homóloga de 4,7%.

Por categorias e tipos de veículos, observou-se a seguinte evolução do número de unidades matriculadas no nosso país:

No mês de março de 2019, foram matriculados, em Portugal, 24.900 automóveis ligeiros de passageiros novos, ou seja, menos 10,7% do que no mês homólogo do ano anterior.

No primeiro trimestre de 2019, as matrículas de veículos ligeiros de passageiros totalizaram 59.445 unidades, o que se traduziu numa variação negativa de 5,9% relativamente ao período homólogo de 2018.

O mercado de ligeiros de mercadorias registou, em março de 2019, uma evolução igualmente desfavorável, tendo sofrido uma contração de 7,1% face ao mês homólogo do ano anterior, situando-se em 3.190 unidades matriculadas.

Em termos acumulados, no período de janeiro a março de 2019, o mercado atingiu 8.726 unidades, o que representou um ligeiro acréscimo de 0,9% face ao período homólogo do ano anterior.

Quanto ao mercado de veículos pesados, tanto de passageiros como de mercadorias, cujo conceito engloba os tratores de mercadorias, verificou-se, em março de 2019, um aumento de 27,3% em relação ao mês homólogo do ano anterior, tendo sido comercializados 461 veículos desta categoria.

No primeiro trimestre de 2019, o número de veículos matriculados ascendeu a 1.452 unidades, o que representou um acréscimo do mercado de 15,3% relativamente ao período homólogo de 2018.

Também pode querer ler