AkzoNobel dá cor à equipa McLaren F1 para 2019

A mais recente tecnologia de cores da AkzoNobel dá brilho à equipa da McLaren na modalidade rainha do desporto motorizado, que arrancará a 17 de março, na Austrália.

Os jovens pilotos Lando Norris e Carlos Sainz encarregar-se-ão de conduzir os bólides MCL34, que apresentam um novo toque no design “Papaya Spark” que se estreou no ano passado.

Desenvolvido pela marca Sikkens, pertença da AkzoNobel, o revestimento oferece inúmeros benefícios em termos de performance e sustentabilidade, conseguindo reduzir, significativamente, as emissões.

Cientistas e técnicos da McLaren e da AkzoNobel têm-se esforçado desde que a parceria começou. Para a nova temporada, trabalharam em conjunto para desenvolver novos recursos de revestimentos tecnologicamente avançados, projetados para modificar especialmente as características da superfície.

A decoração da temporada de 2019 mantém o “Papaya Spark” como cor primária, mas o azul apresenta um tom ligeiramente diferente. Conhecida como “Vega Blue”, trata-se de uma cor existente no mercado OEM da McLaren.

Também pode querer ler